Atuações de destaque

Membros do CPC

O Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) surgiu em 2005 com o objetivo de centralizar a emissão de normas contábeis no Brasil, até então emitidas por diversos órgãos com diretrizes e interesses distintos. O CPC buscar alinhar as normas brasileiras aos padrões internacionais de contabilidade, ou IFRS - International Financial Reporting Standards, uniformizando as regras contábeis utilizadas pelas entidades regulatórias.

O CPC expressa os interesses de auditores, preparadores, usuários e outros interessados nas normas contábeis. É composto por entidades representativas da classe contábil - que possuem direito a voto, e por órgãos reguladores que possuem direito a voz (mas não a voto), e endossam as normas emitidas para que elas tenham validade prática e sejam efetivamente aplicadas. A FIPECAFI representa a comunidade acadêmica no CPC, e tem importante participação em sua administração e funcionamento.

O Comitê é composto pelas seguintes entidades:

Entidades com direito a voto, responsáveis por estudar, preparar e emitir os Pronunciamentos Técnicos:

• ABRASCA – Associação Brasileira das Companhias Abertas, representando as empresas listadas em Bolsa de Valores;
• APIMEC – Associação dos Profissionais de Investimentos e de Mercado de Capitais, representando os analistas;
• BOVESPA - representando a si própria como Bolsa de Valores;
• CFC – Conselho Federal de Contabilidade, representando a classe contábil;
• IBRACON – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, representando os auditores independentes;
• FIPECAFI – Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras, representando a comunidade acadêmica.  

Entidades com direito a voz (mas não a voto), que utilizam os Pronunciamentos Técnicos como base para emitir os instrumentos que os tornam obrigatórios:

• BACEN – Banco Central do Brasil, a Autoridade Monetária Brasileira;
• CVM – Comissão de Valores Mobiliários, órgão regulador do mercado de capitais no Brasil;
• CNI – Confederação Nacional da Industria, representando as empresas do setor manufatureiro;
• FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos, representando a indústria bancária;
• RFB – Secretaria da Receita Federal do Brasil, representando a autoridade tributária;
• SUSEP – Superintendência de Seguros Privados – regulador de seguros no Brasil.  


Melhores e Maiores

No mês de agosto de 2017 foi publicada mais uma edição da Revista Exame “Melhores e Maiores”, compilada segundo a análise técnica da equipe FIPECAFI.

Sob a coordenação dos Professores Nelson Carvalho e Ariovaldo dos Santos, esse trabalho consiste numa pesquisa realizada todos os anos por uma equipe de 16 profissionais que selecionam as 1.000 maiores empresas do Brasil, pelo critério do desempenho da receita líquida em dólares, excluídas as empresas do setor financeiro.

O projeto inclui pontuação de diversos ângulos da excelência empresarial (Crescimento de Vendas, Liderança de Mercado, Liquidez Corrente, Rentabilidade do patrimônio e Riqueza Criada por Empregado), pelos quais são escolhidas as melhores empresas de diversos setores da economia.

Além dos pontos obtidos nesses cinco indicadores, a empresa pode somar bônus por ter se destacado em outros anuários de EXAME - Guia EXAME de Sustentabilidade e Guia Você S/A – As melhores Empresas para você trabalhar.

A parceria Revista Exame/FIPECAFI vem desde 1996 e une o alto rigor técnico da pesquisa à liderança da Revista EXAME como revista de negócios de excelência.

Para maiores informações envie um e-mail para: mmexame@fipecafi.org


Critérios / Roteiro
Como usar - Um guia para o leitor de MELHORES E MAIORES percorrer a edição

Critérios / Indicadores
A lista de conceitos desta MELHORES E MAIORES

Critérios / Desempenho
A escolha das Melhores

Síntese 2017
As melhores empresas em 20 setores em 2017

INDICADORES / Conceitos e Critérios
Como as empresas foram avaliadas
Os Critérios Utilizados na análise e na escolha das melhores do agronegócio Critérios / Roteiro

Maiores do Agronegócio
As melhores empresas do agronegócio em 12 setores em 2017

Coordenadores:

      - L. Nelson Carvalho (coordenador – geral)

      - Ariovaldo dos Santos (coordenador técnico)


Analistas seniores:

      - Jeíce Catrine Cordeiro Moreira

      - Raquel Wille Sarquis

      - Robson Queiroz Pereira


Análise e Programação:

      - Nivaldo Gomes Lamac


Chefe de Equipe:

      - Eliene Angela Azevedo Silva


Equipe Técnica:

      - Adriana Duarte Bairão

      - Alissa Satomi Wada

      - Ana Raquel Andrade Silva

      - Aureluce de Oliveira Moraes

      - Cássia Oliveira Colossale

      - Elizaneide Vieira Leal

      - Irene Angela Silva Souza Pinto

      - Lucas Alvarenga Prado

      - Marcella Campos Cassemiro

      - Vanessa Batista de Souza

FIPECAFI - FEA/USP

Eliene Angela Azevedo Silva

Fone/Fax: (11) 3816-2453

mmexame@fipecafi.org

Questionário 2019

Atenção: Questionário para Download pelas entidades participantes: Os trabalhos iniciais para a Edição 2019 da Revista Exame - Melhores & Maiores já começaram. As entidades interessadas em participar devem obter, clicando no link adequado abaixo, os arquivos necessários para sua participação.

O prazo para entrega das informações de empresas e grupos é 24 de abril de 2019 e para entrega das informações de instituições financeiras e Seguradoras 10/04/2019. Reiteramos a especial gentileza de nos enviar cópias das Demonstrações Contábeis e Parecer do Auditor. Os arquivos devem ser preenchidos e remetidos para o e-mail mmexame@fipecafi.org.

Arquivos para EMPRESAS que não sejam financeiras, nem seguradoras
Arquivos para GRUPOS (CONSOLIDADO)
Arquivos para SEGURADORAS
Arquivos para INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS (bancos múltiplos, comercial ou desenvolvimento)

Prêmio Transparência ANEFAC

Apresentação

Quem concorre ao prêmio

Não há inscrições, concorrem ao Troféu Transparência – Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN - todas as companhias, ou seja, as Sociedades Anônimas, de capital aberto ou não, sediadas em território nacional, que publicam suas demonstrações financeiras, com atuação nas áreas de comércio, indústria e serviços - exceto serviços financeiros são candidatas.

As demonstrações financeiras utilizadas para avaliação são aquelas publicadas, conforme determina a Lei das S.A e deverão conter as seguintes informações:

  • Balanço patrimonial
  • Demonstração do resultado do exercício
  • Demonstração do resultado agregado
  • Demonstrações das mutações do patrimônio líquido
  • Demonstração dos fluxos de caixa
  • Notas explicativas
  • Demonstrações comparativas
  • Relatório da Administração
  • Relatório dos auditores independentes

O Troféu Transparência - Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN - será concedido em três categorias:

  • Companhias com Receita Líquida acima de R$ 5 bilhões (10 vencedoras)
  • Companhias com Receita Líquida até R$ 5 bilhões (10 vencedoras)
  • Companhias do Setor de Energia (5 vencedoras)